Áreas Protegidas

Reconhecendo a relevância do património natural da região, e a necessidade de conservação e divulgação dos seus valores naturais, foi criado em 1976, o Parque Natural da Serra da Estrela (PNSE).

Com 88 860 hectares, é hoje uma das maiores áreas protegidas nacionais, compreendendo uma sucessão de planaltos que se estende desde a Guarda, a nordeste, até aos contrafortes da serra do Açor, a sudoeste, no concelho de Seia.

As zonas mais elevadas da serra, pelo conjunto de condições únicas, determinam por vezes um isolamento reprodutor de populações de fauna e flora, conduzindo à diferenciação em espécie, subespécies e variedades exclusivas, tais como a silene (Silene foetida foetida) ou a lagartixa-da-montanha (Iberolacerta monticola monticola). Em consequência, o Conselho da Europa, em 1993, designou uma área de 10 610 hectar como Reserva Biogética.

Reforçando a sua importância internacional para a conservação da natureza, foram designados outros instrumentos de ordenamento e gestão na área da serra como oSítio de Interesse Comunitário, proposto para integrar a Rede Natura 2000, em 2000, e a Zona Húmida de Importância Internacional ao abrigo da Convenção de Ramsar, em 2005.